Primeiro mês na China: tomei esporro!

Tempo de leitura: 1 minuto

Hoje vamos falar sobre como foi meu primeiro mês na China.

E se você leu o post sobre a minha ida pra China quando eu tinha 17 anos, só pelo título já deve estar se perguntando: de novo Lucas?

Pois é. kkkkkk

Aparentemente eu gosto de levar bronca.

Bom, vamos começar:

No começo do meu intercâmbio na China, a faculdade custeava diversas viagens culturais aos alunos.

Por exemplo, teve uma maratona na época que estive lá, e fomos para uma viagem em Hèngshui, com passagem, hotél e etc, tudo bancado pela faculdade.

Eu ainda não estava acostumado com a cultura chinesa mas logo as pessoas que conhemos lá, nos chamaram para “confraternizar”.

Mais pra conversar, beber alguma coisa e comer, no quarto do hotél.

E de repente, a música já estava alta, nós estamos falando mais alto que música e a bebida rolando sem limites.

E chegou num ponto tão crítico que chamamos atenção do hotél inteiro, com direito a professores batendo na nossa porta pedindo para diminuir o volume do som.

Ou seja, é muito importante que você conheça a cultura do país que está indo, para que consiga e saiba como respeitar as pessoas de lá.

Logo no primeiro mês eu precisei lidar me adaptar a muitas dessas coisas.

Como você pôde ver, no auge da “molecagem”, no primeiro mês na China, eu tive a capacidade de tomar bronca porque estava com som alto no quarto tarde da noite.

Para nós brasileiros, pode parecer algo comum, mas isso não está inserido na cultura dos chineses e são nesses pequenos detalhes que precisamos nos atentar.

E com isso, até agora já somatizei dois esporros em águas estrangeiras. Qual será o próximo? Fica ligado aqui pra descobrir.

 

Você também pode me encontrar em:

Instagram: http://instagram.com/lucas.mandarim/

Facebook: http://facebook.com/Lucasmandarimfcb

LinkedIn: http://linkedin.com/in/lucasmandarim

Spotify: https://open.spotify.com/show/0XCplci.

Youtube: youtube.com/channel/UCxy7sW-z4twGP1syLCacudw/featured

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *